fbpx
Entenda a performance do webservice dos correios

Entenda a performance do webservice dos correios

Cerca de 40% de todo produto físico vendido pela internet é entregue pelos correios. Individualmente a empresa é a maior transportadora dos negócios online. Existe, no entanto, um calcanhar que Aquiles quando falamos do uso direto do serviço de preços dos correios em tempo real.

Esse tópico sempre surgia nos treinamentos e reuniões com nossos clientes. Por muito tempo fomos questionados por “problemas de finalização de pedidos” sem ter “responsabilidade direta” pela inconstância das respostas do webservice.

Passamos então a monitorar o webservice como monitoramos os nossos serviços e clientes utilizando uma ferramenta que consulta regularmente uma URL e grava os resultados da requisição:

Gráfico com uptime e tempo de resposta dos correios

 

O gráfico abaixo reflete 24h de monitoramento. Nesse período a média do tempo de resposta foi de 6,2 segundos e durante 1%  do tempo o serviço não respondeu.  Pra entendermos melhor o impacto do uso direto no checkout a gente precisa mergulhar de forma mais profunda nesses dados e conflitar essas informações com o que o cliente presenciaria de fato no checkout.

A média do tempo de resposta é de 6,2 segundos e esse número já não é dos melhores. Imagine o seu cliente pedindo as opções de frete e esperando todo esse tempo pra poder escolher entre PAC  e SEDEX. O problema é que quando o serviço funciona bem ele responde em cerca de 1 segundo, ou seja, pra média ficar perto de 6 em muitos momentos pode levar até 20 segundos pro cliente receber as alternativas de frete.

Estamos falando de alguém que já selecionou seus produtos, inseriu seus dados de endereço e está no último passo antes dos dados de pagamento (essa é uma venda quente). Os tais 20 segundos podem levar o cliente a pensar que a conexão caiu ou que  sistema travou e ocasionar a desistência da venda.

Retire do seu fluxo de venda todos os serviços externos não confiáveis. 

No caso do webservice dos correios a versão mais recente da nossa plataforma e-commerce aboliu seu uso, passando a trabalhar apenas com tabelas de frete por peso e faixas de CEP. Existem geradores online gratuitos que podem ser utilizados para criar e atualizar os fretes quando o correio altera as tabelas de preço (utilizando o mesmo webservice)

Esse tipo de solução pode gerar pequenas divergências de preço e prazo, porém o upside quando falamos de uma página de checkout que não trava é muito maior. Existem cases que adotaram a nova solução e tiveram incremento de até 45% na taxa de conversão.

 

 

 

 

Entenda a performance do webservice dos correios
5 (100%) 1 vote

0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escreva e dê Enter para pesquisar

Shopping Cart