Melhore as suas vendas nos marketplaces com essas dicas

Melhore as suas vendas nos marketplaces com essas dicas
5 (100%) 1 vote

Os marketplaces são excelentes oportunidades para as lojas, tanto físicas quanto virtuais, que estão procurando maneiras de aumentar o alcance aos clientes. Por meio dos marketplaces, os lojistas conseguem expor seus produtos nas grandes lojas do varejo, aumentando a visibilidade da marca e, consequentemente, conseguindo mais clientes por conta dessa exposição.

Os marketplaces funcionam tanto para os e-commerces quanto para as lojas físicas porque, além de serem um novo canal de venda para quem já está no meio virtual, podem servir como porta de entrada para as empresas offline iniciarem suas vendas na internet, uma vez que esse modelo de negócio é mais prático e trabalha por meio de CPA, ou seja, você só paga quando realizar uma venda.

Sendo assim, o grande desafio dentro dos marketplaces é pensar em maneiras de melhorar as suas conversões, já que você estará competindo com outros vendedores no mesmo espaço e, por essa razão, precisará oferecer mais atrativos para que os usuários vejam no seu negócio uma oportunidade imperdível de compra e, por essa razão, separamos algumas dicas que podem te ajudar nisso.

Dicas para melhorar suas vendas

Consumidores sempre estão em busca de preços atrativos, é verdade, mas esse não é o único ponto levado em consideração na hora que um usuário vai concluir uma compra. O frete, por exemplo, é um fator que pode fazer toda a diferença. Por mais que o cliente tenha gostado muito do produto, se o frete for muito alto ou o prazo de entrega for muito extenso, ele pode acabar desistindo da compra.

Portanto, crie tabelas de frete competitivas para chamar a atenção do consumidor. Pense em alternativas de preços mais baixos e prazos menores para as grandes cidades, por exemplo. Isso, sem dúvidas, será um diferencial na conversão. Entretanto, não adianta nada prometer entregas que você não conseguirá cumprir, pois além de frustrar o seu cliente, você ainda poderá sofrer punições dentro do marketplace.

Quanto ao preço, é fundamental que você monitore os preços dos seus concorrentes para analisar qual é a média de preços praticada por eles. Sabendo disso, você vai precisar avaliar o seu negócio para saber qual o limite de preço que você pode oferecer sem sair no prejuízo. Avalie também se vale mais a pena “perder” no valor de um produto para ganhar na quantidade de produtos vendidos. Preço competitivo é primordial para que você tenha resultados melhores no marketplace.

Trabalhe a imagem do seu produto. O maketplace, afinal de contas, funciona como uma grande vitrine, então é preciso se preocupar com a apresentação das suas mercadorias. Elabore descrições completas e úteis, utilize imagens de qualidade, traga informações relevantes sobre o que está sendo vendido para que o seu cliente não tenha nenhuma dúvida, sobretudo se o seu produto for exclusivo.

Por último, não se esqueça de categorizar seus produtos, pois isso facilita na hora de o cliente encontrar o que procura. Os usuários fazem isso por meio dos filtros presentes nos marketplaces, mas para que os seus produtos apareçam nos filtros mais interessantes para você, é necessário que você categorize cada um deles.

Essas dicas parecem simples e essenciais, mas muitos vendedores acabam deixando esses detalhes passarem despercebidos e, no final, eles acabam fazendo toda a diferença, tanto de maneira positiva se forem bem implementados, quanto de maneira negativa se forem deixados de lado. Avalie as suas atuais estratégias de venda nos marketplaces para saber se você está fazendo isso corretamente e, caso não esteja, essas dicas vão te ajudar a vender mais nesse modelo de negócios.

Escrever Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

O MAPA DO OURO DO E-COMMERCE

 

O Passo a passo para começar até conseguir um e-commerce de sucesso

 

DIGITE SEU E-MAIL E BAIXE O SEU MANUAL GRATUITAMENTE

Sucesso! Enviamos um e-mail para você confirmar antes de receber o material.