Na dúvida entre loja própria ou Marketplace? Escolha os dois!

Na dúvida entre loja própria ou Marketplace? Escolha os dois!

Essa dúvida é bastante frequente e comum entre as pessoas que enxergam a internet como uma grande oportunidade de empreender ou de aumentar o alcance de um negócio físico já existente.

A parte boa disso tudo é que não é preciso escolher entre um ou outro, pois as duas alternativas se complementam, o que amplia a possibilidade de sucesso, crescimento e lucro do seu negócio. Para que você consiga compreender isso e perceber que investir nas duas frentes é uma boa, é preciso que você entenda como cada modelo funciona.

Na loja virtual, também chamada de e-commerce, toda estrutura é montada pelo lojista, que negocia diretamente com cada fornecedor, o que permite que a loja virtual seja montada de acordo com todas as estratégias da empresa.

uma imagem sobre ecommerce

O lojista precisará escolher uma plataforma de e-commerce, um sistema de ERP integrado, sistemas de segurança, de pagamento, de gerenciamento de estoque, além de pensar em ações de marketing, entre outras coisas, e ele ficará livre para escolher o que for considerado melhor segundo as diretrizes da empresa.

Já o Marketplace é um modelo no qual os grandes varejistas virtuais disponibilizam espaço em suas plataformas para que outros vendedores comercializem seus produtos aproveitando a estrutura que essas grandes lojas virtuais já possuem, sobretudo nos quesitos de segurança, tecnologia, formas de pagamento e atendimento pós-venda. Em troca disso, o vendedor paga uma comissão a cada venda realizada no marketplace.

Com isso definido, podemos entender que a loja virtual tem como foco, além das vendas, a consolidação da marca em questão perante o consumidor, uma vez que por meio dela o consumidor terá uma experiência mais exclusiva, inclusive no pós-venda, enquanto que o marketplace está relacionado à performance, já que o vendedor utiliza a estrutura de marcas já consolidadas no mercado para vender seus produtos.

Ainda não sei em qual dos dois modelos devo investir

Caso você não tenha orçamento para aliar as duas frentes ou ache que isso não é interessante para o seu negócio, você pode sim optar por um dos dois de acordo com o perfil da sua empresa.

uma imagem sobre marketplace

Por exemplo, caso você não possua muita experiência em vendas diretas ao cliente, o marketplace pode ser mais interessante porque você não precisa de uma loja virtual para vender em um marketplace. A única coisa que você vai precisar é de um bom sistema de ERP para integrar todas as informações do seu negócio.

Porém, se o seu negócio for do ramo de varejo e você queira (ou precise) expandir para o mundo digital, talvez seja mais interessante investir em uma loja virtual, uma vez que você já possui essa experiência de vendas diretas ao consumidor final e pode aproveitar a loja virtual para consolidar a sua marca.

É preciso que você analise o perfil do seu negócio para poder escolher qual das duas alternativas é mais interessante para você e, se você chegar à conclusão de que é possível investir em uma loja virtual e no marketplace ao mesmo tempo, tanto para aumentar o seu alcance quanto para consolidar a sua marca no mercado, invista!

Na dúvida entre loja própria ou Marketplace? Escolha os dois!
5 (100%) 1 vote

0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escreva e dê Enter para pesquisar

Shopping Cart